Casais que discutem com frequência se amam mais

Tempo de leitura: 4 minutos

Relacionamentos geralmente começam um “mar de rosas”. Tudo é fino e elegante. Você concorda com o outro e se compromete. Se amam incondicionalmente.

Mas, quando a “fase de lua de mel” acaba, vocês começam a mostrar opiniões, diferenças e suas personalidades individuais. É então que sente um tremor na harmonia da união. O relacionamento é testado.

Se vocês podem ter discussões saudáveis, realmente aprendem um com o outro.

Discutir é uma importante forma de comunicação. Mostra o individualismo, diferentes perspectivas e a capacidade de ensinar um ao outro. Discussões não são necessariamente um indicador de que existem problemas de relacionamento.

O psiquiatra Dr. Gail Saltz do New York Presbyterian Hospital, explica que discutir requer habilidades que levam tempo para serem construídas.

Aqui estão cinco de suas sugestões:

  • Não insistir em estar certo;
  • Falar assim que sentir a raiva crescendo;
  • Ouvir;
  • Ir para o tópico em questão;
  • Não dizer algo do qual vai se arrepender.

Por que casais que discutem se amam mais?

se amam 2

Discutir não determina que um relacionamento está mal. Ter discussões pode realmente indicar que duas pessoas têm as suas próprias ideias e opiniões individuais. Elas podem expor e compartilhá-las de uma forma saudável.

Relacionamentos em que não há discussão podem ser fechados e cheios de tensão, pois nenhuma das partes quer partilhar os seus pensamentos para não machucar o outro.

A falta de discussão também pode ser expressa como uma falta de acoplamento à relação. Pode haver um problema com confiança. Talvez você precise fazer as seguintes perguntas a si mesmo:

Quão comprometido você está, se pode expressar suas próprias ideias?

Você tem medo de passar dos limites?

Em seu relacionamento, você pode realmente ser autêntico?

Você tem medo de mostrar suas ideias e opiniões?

Dra. Stephanie Sarkis compartilhou no Psychology Today que há sete ingredientes para um relacionamento saudável e feliz, e discussão é um deles.

Ela explica: “Eu nunca vi um casal saudável que não discute. Eles nunca brigam, no entanto, discutem. Se um casal entra em meu escritório e diz que nunca discutiu, algo não está certo.”

Você pode discutir sem brigar

se amam 3

Sempre haverá desafios e conflitos em um relacionamento. Uma vez que os estágios iniciais passam para a estabilidade e longevidade, as pessoas tendem a voltarem a seus estados normais.

Elas querem ser ouvidas e compreendidas, seguirem suas paixões, e serem reconhecidas por quem são. Casais que discutem estão expressando seus desejos de serem ouvidos.

Quando feito de forma construtiva, não é briga. É expressar suas necessidades. E casais felizes ouvem um ao outro.

Em um momento de discussão pesada, eles se voltam para si mesmos, e este é um sinal de respeito mútuo. Você pode respeitar e mostrar vulnerabilidade.

Há uma diferença entre brigar com raiva e verdadeiramente expressar seus pensamentos em um relacionamento. Você aprende a escolher suas batalhas. Você começa a entender o que é importante discutir e o que você precisa deixar ir.

Manter o silêncio não é sempre uma forma holística ou saudável de criar confiança em um relacionamento. Ser submisso não é um ato de coragem. É um ato de prometer satisfazer o outro e sentir-se um mártir. Portanto, uma relação de confiança e amor tem espaço para discussões sem raiva.

Casais que discutem têm uma tendência a se amarem mais, porque subconscientemente, as discussões demonstram que você se preocupa com o outro, mesmo que durante a discussão você se sinta irritado em relação ao seu parceiro. Por exemplo, mostrar que você quer que seu parceiro beba menos e cuide de sua saúde.

Respeito mútuo, amor, compromisso, compaixão e confiança são fatores importantes de um relacionamento saudável. Equilíbrio é tudo na vida.

Você nunca quer insultar ou desrespeitar um ente querido. Quando é autêntico em um relacionamento, você sempre pode compartilhar o que acredita. É tudo sobre como você apresenta qualquer discussão.

A forma mais verdadeira do amor é como você se comporta em relação a alguém, não como você se sente sobre ele. (Steve Hall)

Fonte: Power of Positivity